Secretarias

Subprefeituras

Conselhos Municipais

Secretaria da Cultura

A+

A-

Esculturas e relevos

A escultura do casal de imigrantes tem cinco metros de altura e pesa 2.920 quilos. Caringi esculpiu a obra em seu atelier no Rio de Janeiro, onde recebeu a visita do Presidente da República, Getúlio Vargas, em junho de 1952. Transportada para Caxias do Sul, recebeu a fundição em bronze na Metalúrgica Abramo Eberle S.A., sob a direção do mestre Tito Bettini. A majestosa escultura é uma reverência ao trabalho, à família e ao perene desejo humano de vislumbrar novos horizontes, novas possibilidades de construir uma vida melhor.No obelisco foram instaladas três relevos, esculpidos no granito, pelo artista. Contemplados debaixo para cima,representam: a chegada; a vitória pelo trabalho; e a integração do imigrante ao espírito da Pátria. Este último representou uma homenagem à Força Expedicionária Brasileira, conciliando as desavenças criadas no âmbito das ideologias autoritárias que marcaram o período da II Guerra Mundial.

O jornal “Pioneiro” de 9 de janeiro de 1954 registrou o impacto que a escultura causou  em Luigi e Enrica Zanotti, imigrantes com 80 e 79 anos, respectivamente. A matéria relata que Luigi tirou respeitosamente o chapéu, deixou a bengala de lado e perfilou-se, permanecendo silencioso. Enrica não se conteve: tirou o lenço e enxugou as lágrimas. Era a melhor comprovação do significado da obra.Ainda apresenta a inscrição “1875”, data que evoca a  chegada dos primeiros imigrantes à Colônia aos Fundos de Nova Palmira, depois Colônia Caxias. Embora de cunho nacional, a inequívoca ligação local foi mantida pois integrava o conceito do projeto original.

voltar
Logo Codeca
Logo FAS
Logo Festa da Uva
Logo IPAM
Logo Farmácia IPAM
Logo SAMAE
Logo Procon
Logo Hemocs