Secretarias

Subprefeituras

Conselhos Municipais

Secretaria da Educação

A+

A-

EJA

A Educação de Jovens e Adultos é uma modalidade da Educação Básica, constituindo-se numa oferta de educação regular, destinada àqueles que não tiveram acesso ou continuidade de estudos no Ensino Fundamental na idade própria. Essa modalidade apresenta características que consideram as necessidades e disponibilidades dos sujeitos, articulado-as com a sociedade onde estão inseridos, garantindo ao jovem e adulto o direito ao acesso, permanência e sucesso na escola pública gratuita e de qualidade.

Para tanto, a educação formal deve prover o sujeito de instrumentos e infraestrutura básica (condições físicas, emocionais e sociais), que oportunizem o desenvolvimento de competências e habilidades, a construção de conhecimentos, a adoção de atitudes e a constituição de valores, a fim de que possa construir sua própria identidade, com base nos princípios de liberdade e autonomia.

Assim, o planejamento contempla a articulação entre as diferentes áreas de conhecimento, uma vez que o aprender, como processo individual e intransferível, permite ampliar o domínio cognitivo reflexivo, por meio de novas experiências, construir significados, criar e recriar múltiplas possibilidades de intervir na realidade, buscando apropriar-se dela e, se for o caso, transformá-la.

A EJA está dividida em Totalidades Iniciais e Finais.
As Totalidades Iniciais compreendem o período de alfabetização (T1, T2, T3). Entende-se a alfabetização como um processo contínuo, que se preocupa com a aquisição do código escrito, levando em consideração que a leitura de mundo antecede à leitura da palavra. Fazem parte dessa etapa as apropriações dos diferentes códigos culturais, e das linguagens que incluem os conceitos relacionados à construção de número, grandezas, tempo e espaço.

As Totalidades Finais compreendem o período da pós alfabetização (T4, T5, T6), em que há um aprofundamento dos conceitos desenvolvidos nas Totalidades Iniciais, a partir dos componentes curriculares. Assim, os conteúdos ganham maior abrangência e complexidade.

Considerando os aspectos elencados, é fundamental a formação permanente e continuada dos profissionais que atuam na EJA. Dessa forma, é previsto um turno semanal de formação e planejamento coletivo, reuniões pedagógicas, cursos e encontros.

A proposta das totalidades pressupõe avaliação contínua, participativa, global, diagnóstica e prognóstica, respeitando o ritmo de aprendizagem de cada aluno. Os procedimentos metodológicos e instrumentos avaliativos privilegiam uma abordagem qualitativa.

A modalidade EJA é oferecida em 16 escolas na rede municipal:

E.M.E.F Angelina Sassi Comandulli
E.M.E.F Basílio Tcacenco
E.M.E.F Caldas Júnior
E.M.E.F Dolaimes S. Angeli
E.M.E.F Engenheiro Dario Granja Sant Ana
E.M.E.F. Engenheiro Mansueto Serafini
E.M.E.F Guerino Zugno
E.M.E.F Machado de Assis
E.M.E.F. Padre João Schiavo
E.M.E.F Paulo Freire
E.M.E.F Pref. Luciano Corsetti
E.M.E.F Pres. Castelo Branco
E.M.E.F Pres. Tancredo Neves
E.M.E.F Renato João Cesa
E.M.E.F Rosário de São Francisco
E.M.E.F. Senador Teotônio Vilella

Galeria

voltar
Logo Codeca
Logo FAS
Logo Festa da Uva
Logo IPAM
Logo Farmácia IPAM
Logo SAMAE
Logo Procon
Logo Hemocs